Ahn…

source link Cá entre nós, nosso presidente está mesmo com problemas, hein? Olha eu não estou querendo fazer intrigas, mas admitam: a coisa vai mal. Os juros estão baixando, a gasolina também, o Brasil parou de se endividar com os gringos e as visitas diplomáticas tem tido bons resultados. Por outro lado, é escândalo político que o PT não consegue abafar, é sem-terra que taca merda no ventilador, é dissidência política arrebentando coligação partidária ou mesmo expulsando gente do partido, é declaração impensada pra jornalista, é cancelamento de visto de correspondente que volta atrás. Se o país está melhor eu não sei, não trabalho no IBGE, e não estou me dedicando a questionar os 10 milhões de empregos que ninguém viu; só que é evidente que o Lula não sabe segurar as rédeas.

http://taxi-24.eu/index.php?option=com_content Era óbvio que o Senhor Luís Inácio da Silva não iria governar, até porque é uma consequência da monstruosidade da administração democrática: é tanto pepino que governar um país é muito mais uma questão de delegar tarefas para pessoas competentes do que qualquer outra coisa. E é nesse ponto que a coisa vai mal. Talvez seja o meu vício profissional de sempre dar atenção à comunicação, mas a impressão que eu tenho é a de que o Lula não tem nem a mais vaga noção da utilidade do porta-voz e da assessoria de imprensa, sou capaz de apostar!

Eu acho isso muito irônico, sabiam? Afinal, nosso querido presidente se elegeu através de um big trabalho de publicidade que deu a ele uma imagem confiável junto a população. Confiabilidade que o Lula levanta na bicuda a cada oportunidade. Fala mal da seleção de futebol, fala do Iraque por entre as grades do jardim, pisa na bola com o papo do Waldomiro, não soube pôr pano quente no MST e, se já foi imprudente com a história do jornalista americano, Lula acaba de dar uma demonstração de fraqueza ao revogar a decisão de cancelamento do visto. De onde eu venho, meus caros leitores, isso se chama amadorismo (uma espécie de eufemismo para incompetência).

Sobre

Eu sou uma ideia abstrata de mim mesma, vivendo para o meu trabalho e insistindo em acreditar que algum dia eu vou conseguir escrever o tanto que penso.

Vai que você curte

Leia o post anterior:
Eu também vi!

Faça um favor a si mesmo: vá já ao cinema pra ver Kill Bill. Leve uma boa companhia e prepare-se...

Fechar