Copiando idéias

http://larryhefner.com/wp-json/oembed/1.0/embed?url=http://larryhefner.com/chapter-2/ É que essa nuvem de lindas palavras falou de fazer um exercício: escrever seis coisas que não se importe em ter ou fazer, de preferência em ritmo de poesia. As minhas via de regra são pobres, não sei fazer soneto, não sei contar sílabas e não gosto da simetria. Mas vá lá, fazer rima é divertido. Então, seis coisas com que não me importo:

watch Não me importa não ter dinheiro,
pois isso não faz alguém inteiro.
Não tê-lo, diga-se a verdade,
também não faz de mim metade.

Não me importa estar desacompanhada.
Dispenso uma turba desalinhada,
com suas idéias pré-definidas
e noção tola de suas vidas.

Não me importo em ter marcas,
cicatrizes de escolhas parcas.
Antes porque ainda era pura
depois porque fui à loucura.

Não me importo em não ter pudores
levando a vida com um drink da mão.
Há quem diga que são horrores,
mas confesso, não passa de opção.

Não me importo em ter mentido,
não quero saber de sinceridade.
O primeiro por fazer todo sentido.
O segundo por vezes ser maldade.

Não me importo em ser bagunceira,
não gosto mesmo de gente formal.
Mal-humor, só uso na segunda-feira
e ai de quem diga que sou normal.

Sobre

Eu sou uma ideia abstrata de mim mesma, vivendo para o meu trabalho e insistindo em acreditar que algum dia eu vou conseguir escrever o tanto que penso.

Vai que você curte

Leia o post anterior:
Vício

Oi, meu nome é Paloma, eu sou viciada. Tudo começou há muitos anos atrás, logo que comecei a trabalhar em...

Fechar