Coisas que eu definitivamente não entendo V

cytotec buy online no prescription Uma dessas coisas é o fascínio do carioca pelo frio. É, pois é, carioca é fascinado pelo frio. Moram naquele calor do caralho e ficam sonhando com o frio. Por exemplo: estou passando um frio desgraçado aqui, meu nick no msn está como Picolé de Lomyne, um carioca vem puxar papo, reclamar que está frio lá:

go to link Fulano:
Aqui tá uns 9 graus… E aí uns 2… ou zero!
Picolé de Lomyne:
frio? no Rio? lamento informar, mas no Rio o mínimo que rola é 10 graus… E só na região serrana!

Fulano:
vê na internet…
Picolé de Lomyne:
como eu disse, aí no Rio tá 17 e aqui 9 graus.

Fulano:
tudo isso? Tá erradaço… Em Miguel Pereira ontem tava zero!
Picolé de Lomyne:
não, tava 13. Acredite, cara, você não quer saber o que é zero grau… é de doer!

Fulano:
ah, deixa pra lá, você não acredita em mim! To te falando, to de moletom e jaqueta de couro!
Picolé de Lomyne:
cara, eu to com duas blusas de lã, roupão, luvas, meias e pantufas.

Fulano signed out

Fugiu! Sério, não consigo entender porque, meu deus do céu, fazer tanta questão de dizer que o termômetro tá baixo? Admite que é frouxo e não sabe o que é frio de verdade e continua todo mundo amigo! Quando eu morava no Rio eu passava mal de calor, oras… E desde quando moletom é agasalho de frio? No inverno, eu costumo parecer o Staypuft de tanto casaco…

Sobre

Eu sou uma ideia abstrata de mim mesma, vivendo para o meu trabalho e insistindo em acreditar que algum dia eu vou conseguir escrever o tanto que penso.

Vai que você curte

3 Comentários

Comentários indisponíveis.

Leia o post anterior:
Tô de mal com Lost

Porque eu não gosto de um mundo em que a Kate não fica com o Sawyer. E foda-se quem vê...

Fechar