Uma flor solitária

Estava no jardim da minha madrinha, fumando o cigarro da sobremesa, e algo chamou minha atenção. Nos canteiros que ladeiam a entrada da garagem, há cerca de cem pés da mesma planta e só uma delas está florida. Um agapanthus azul que prendeu e levou meu pensamento longe.

Uma flor solitária, de beleza peculiar e pouco valorizada. Uma flor popular e, no entanto, incomum: junto da terra, as folhagens se multiplicam, mas sua flor aparece no topo de uma haste longa, não muito firme, que explode em dezenas de pequenas flores. Então me peguei pensando quão humana não é esta flor, tentando se equilibrar numa plataforma frágil, tentando ser o que puder. E pelos devaneios que seguiram, vi ali um tipo específico de gente: azul, por mais que bela, não é a cor mais desejada nas flores; aquele perfil de flor, semelhante a alguém que mais do que sua estética, tem sua beleza no topo, na cabeça; sendo balançada ao sabor do vento, uma flor resistente. E por fim, uma única flor, por alguma estranha razão, desacompanhada. Ao vê-la ali fiquei em dúvida se ela já floriu, antes das outras, ou se é uma sobrevivente, que permanece florida. Vi algo de mim ali, vi um quê de alguns amigos e um tanto de alguém que inexplicavelmente tem povoado meus pensamentos. Alguém que eu não consigo entender, que às vezes me assusta e me intriga, mas alguém que eu quero perto, bem perto.

Nota mental: Ô fase emo! Vou ali curtir minha angústia ao som de rock japonês…

Sobre

Eu sou uma ideia abstrata de mim mesma, vivendo para o meu trabalho e insistindo em acreditar que algum dia eu vou conseguir escrever o tanto que penso.

Vai que você curte

10 Comentários

  • as flores normalmente nascem sozinhas. cabe a nós saber o valor que cada uma delas têm e arrumar um vasinho para acompanhá-la ou deixá-la lá com a sua beleza única e interminável! 😉
    beijos

  • Fiquei emocionada com o que você escreveu… Sério mesmo e não estou na TPM… Bom, não sei se você quer mesmo entender, mas acho que o melhor é curtir a pessoa que você quer ter por perto!

    bjs

  • Lomáineeee…….vc é normallll !!!

    Que lindoo!
    Adorei seu lado EMO e gostaria que ele florisse de vez em quando!Adoro flor azul!

    Ah..me vi ali …brigada!!!

    bjs

  • Rock japones é bom @_@
    haha, bem, me sinto como essa flor as vezes ;~

    aah sim, adorei aqui 😀
    ;*

  • Acho que quase todo mundo vai se identificar com essa flor, principalmente pela beleza lá em cima, na cabeça.

    Mas já que você está indo curtir um j-rock, não esqueça de levar um ursinho rosa para te fazer companhia. Ou roxo, como você mesma já me disse =P

    Beijos, kiriduxa!

  • É… acordou bem emo.. tudo bem, relaxa, chora, joga a franjinha para o lado e depois volte ao normal e vá à luta… agora, dispense o rock Japonês.. a vida é bela, não precisa radicalizar…rs

Comentários indisponíveis.